Logomarca

Onça vale mais viva e solta no Pantanal, alerta Nigro sobre preservação do meio ambiente

Da Redação - Ronaldo Pacheco

Foto: Rogério Florentino Pereira / Olhar Direto

Onça vale mais viva e solta no Pantanal, alerta Nigro sobre conscientização e preservação do meio ambiente
Considerado um dos mais respeitados líderes do trade turístico de Mato Grosso, o ex-secretário Luiz Carlos Nigro, adjunto de Turismo, defendeu a ampliação dos programas destinados à conscientização das crianças sobre preservação ambiental e correta destinação do lixo. Ele advertiu também que, hoje em dia, a onça pintada tem muito mais valor viva, solta no Pantanal de Mato Grosso ou Amazônia Legal, do que sendo morta, como era corriqueiro nos séculos XIX e XX.
 
Para marcar do Dia Mundial do Meio Ambiente, neste 5 de junho, ele defendeu que haja ampliação dos investimentos para conscientizar as crianças sobre a necessidade de correto descarte do lixo, de forma que se tornem adultos educados.

Leia Mais:
- Com obras em pontes no Pantanal, Nigro espera aumentar o número de visitantes mato-grossenses
 
“É indispensável conscientizar a criança de que não pode jogar lixo na rua ou em córregos. É lamentável, mas existem córregos em Cuiabá onde facilmente se encontra geladeiras, fogãos e sofás. Isso sem contar as milhares de garrafas pet que são arrastadas para o rio Cuiabá. Evitar isso exige colabora  de maior  parte  da nossa população. Isso temos que trabalhar”, observou o ex-secretário de Turismo.
 
Luiz Carlos Nigro citou como exemplo o trabalho da ONG Teoria Verde, onde prevalece o bom humor. Crianças de algumas escolas receberam um talonário de multas, onde são responsáveis por multar os próprios pais que jogam lixo ou garrafa pet. Ele lembrou que, em breve, vai ser comemorado o Dia Mundial sem Lixo ou sobre combate ao descarte irregular de lixo, com ênfase à limpeza urbana.
 
“Vai ser um Dia Mundial de limpeza ou contra o lixo. Tem que avançar o trabalho nas escolas. Os velhos [acima de 40] estão perdidos. Temos que formar a consciência das crianças, porque o trabalho de conscientização como uso obrigatório do cinto de segurança; ou se beber, não dirija, após décadas, começa a surtir resultado favoráveis”, sintetizou o ex-secretário, responsável por assegurar que o Programa de Desenvolvimento do Turismo (Prodetur).
 
Pela sugestão de Nigro, os próprios filhos passam a corrigir os pais. “É difícil incutir na cabeça das pessoas de mais idade. Somos de outra época, em que se matava passarinho. Era outra realidade e devemos incutir na cabeça das crianças, para que  para que dêem exemplo aos pais”, ponderou ele.
 
A nossa onça
 
Luiz Carlos Nigro pontuou que os empresários do ecoturismo são os mais   preocupados em cuidar do meio ambiente.  “Temos estruturas de ecoturismo que têm de estar bem, para que o conjunto possa funcionar. Se não tiver o rio limpo, em Chapada [dos Guimarães],  ninguém vai tomar banho. Se a  mata não estiver preservada, não vão existir os animais”.
 
O ex-secretário avalia que  o turismo deve ser visto como grande instrumento de preservação. Ele cita o caso da onça pintada, hoje rara no Pantanal e mesmo na Amazônia Legal. “Hoje a onça vale muito mais viva do que morta. Veja o tanto de turista que vem a Mato Grosso fazer a observação da vida silvestre, notadamente das onças. Veja os casos registrados em Alta Floresta. O Dia Mundial é data importante e temos muito a comemorar e avançar. Hoje estamos vendo crescimento grande de ecoturismo em Mato Grosso. Mais de 90% é turismo contemplativo e voltado à natureza: fauna, flora e rios”, complementou Luiz Nigro.


PUBLICADA EM: 05/06/2018 14:02:59 | OUTRAS NOTÍCIAS FONTE: Olhar Direto MT

Busca de pacotes

Pousadas em Chapada

As melhores opções de hospedagem com todo conforto que você precisa em Chapada!

Pousadas no Pantanal

As melhores opções você encontra aqui, reserve agora!