Logomarca

Festival de pesca em Cáceres encerra com recordes e consolida-se como evento turístico

Da Redação - Vitória Lopes

Foto: Reprodução

Festival de pesca em Cáceres encerra com recordes e consolida-se como evento turístico
Pescar relaxa, mas soltar o peixe ajuda a preservar. E é seguindo essa premissa que o Festival Internacional de Pesca Esportiva (FIPe) de Cáceres (219 km de Cuiabá) encerrou sua 37ª edição neste domingo (10), consolidando-se como o principal evento do turismo mato-grossense.

Leia mais:
‘Queridinha’ dos mato-grossenses, Caldas Novas tem hoteis para todos os públicos; veja opções


Iniciado no último dia 06, o evento reuniu milhares de competidores e contou com apresentações de grupos folclóricos regionais e shows nacionais. Destaque para o grupo Flor Ribeirinha, Campeã Mundial do Festival Internacional de Arte e Cultura realizado em Istambul, na Turquia.

De acordo com os organizadores, o FIPe deste ano manteve a tradição de quebrar recordes. Ao todo, 291 idosos participaram da disputa sênior. Número significativo, e que segundo Luciano Cadari, representante do Ranking Brasil, é o novo recorde brasileiro.  

Além disso, a principal marca desta edição foi a acessibilidade, de acordo com o representante do ‘Trade Turístico’, Luiís Carlos Nigro. Isso porque 80 pessoas com necessidades especiais participaram da competição. “Fico entusiasmado em perceber o empenho do prefeito Francis Maris e do secretário Municipal de Turismo, Júnior Trindade, com o tema. Dar acesso é ofertar dignidade”, pontuou.

No ano passado, Cáceres recebeu o título de “Capital Nacional da Pesca Esportiva”, além de ter assumido a dianteira ao realizar o maior campeonato nacional na categoria sênior e, concomitantemente, o maior campeonato de pesca esportiva infanto-juvenil do país. Mas foi em 1992 que recebeu um dos seus principais títulos, o de maior festival de pesca embarcada em água doce do mundo pelo Guinness Book.

Nesta edição foram cinco categorias contempladas pela disputa: Pesca Embarcada, Pesca de Canoas, Pesca Infanto-Juvenil (6 a 12 anos), Pesca Sênior (Acima de 60 anos) e, pela primeira vez, a Pesca Para Portadores de Necessidades Especiais. No total foram distribuídos mais de R$250 mil reais em prêmios.

O festival contou com palestras e oficinas ambientais, esportes de areia e de mesa, a apresentação de artistas nacionais, como a dupla Edson e Hudson, Vini e Luccas, Chitãozinho e Xororó, Maria Cecília e Rodolfo, Make U Sweat, Sambô, Joelma, Paula Fernandes e Carlos Jader. Sobretudo, Nigro ressalta o compromisso dos organizadores com os artistas locais, que abriram os shows nacionais.


PUBLICADA EM: 13/06/2018 11:54:24 | OUTRAS NOTÍCIAS FONTE: Olhar Direto MT

Busca de pacotes

Pousadas em Chapada

As melhores opções de hospedagem com todo conforto que você precisa em Chapada!

Pousadas no Pantanal

As melhores opções você encontra aqui, reserve agora!